Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

segunda-feira, 22 de junho de 2009

A origem mítica da arte marcial chinesa

“A habilidade suprema dentro das Artes Marciais não consiste em obter uma centena de vitórias numa centena de batalhas, mas sim em dominar o inimigo sem combater”
Sun Tzu, o primeiro estrategista da historia chinesa, ao escrever estas linhas há 2.500 anos, sintetizou com grande propriedade o pensamento marcial chinês.
No entanto, a Arte Marcial surgiu na china milhares de anos antes.
No período dos soberanos míticos (4.000 a 2.000 a.c), houve uma grande guerra entre Huang Di, o Imperador Amarelo, e Chi You, o Deus da Violência, que era a própria encarnação do caos universal.
Após várias batalhas sem vencedor, Huan Di retirou-se no Monte Tai, passando o comando de suas tropas para um de seus subordinados. Após três dias e três noites meditando sobre as razões pelas quais não conseguia vencer Chi You, uma fada com a cabeça de mulher e corpo de pássaro chamada Xuan Nu veio até ele.
Huang Di curvou-se a sua frente reverenciou a fada. “ Sou a Dama de Negro”, disse a mulher. “Qual é o seu desejo?”.
“Eu gostaria de vencer todas as minhas batalhas”. Huang Di respondeu. Assim Xuan Nu ensinou a Huang Di os segredos das Artes Marciais, possibilitando ao Imperador Amarelo a compreender a natureza do combate. Foi assim que ele venceu Chi You.
Ao contrario do que muitos pensem este conto, um clássico da mitologia chinesa, não é um registro histórico. Contudo, este fato não diminui sua importância junto aos artistas marciais chineses, pois, pela primeira vez, a origem da arte Marcial, ainda que mitológica, foi discutida.

WUSHU

O termo formal, no dialeto oficial, que os chineses utilizam para designar sua arte marcial é WUSHU. O ideograma “WU” significa literalmente marcial ou militar. Por se tratar de um ideograma composto, “WU” é uma combinação de dois outros caracteres: “CHY” e “GE”.
“GE” representa o machado, uma das armas mais utilizadas da antiga china. “CHY” inicialmente significava “pé”, sua origem pode ter advindo da figura de um pé com os dedos afastados. Figura semelhante foi encontrada num caco de jarro de 3.200 anos, descoberto na cidade de Gaocheng. Presumivelmente, por representar a pegada nítida de um homem, que para tal devia estar naquele instante parado. “CHY”, ao longo dos anos, passou a significar “parar” ou “estacionar”.
Em outras palavras, “WU” (marcial) representa a defesa contra uma arma, indicando a ação contra a violência, a defesa contra as mais diversas agressões quer sejam elas físicas ou não